Fantasia e, principalmente, Sci-fi são definitivamente os meus gêneros favoritos. Eu viro a internet de cabeça para baixo procurando séries dos dois gêneros com protagonismo feminino então não é nenhuma surpresa que aqui esteja o maior número de séries do Netflix que eu assisti.

Como de costume, se vocês tiverem alguma indicação ou se eu tiver deixado alguma de fora sem querer, comentem loucamente! \o/

 

Penny Dreadful

penny-dreadful-strashnye

Assisti a primeira temporada

Esse tipo de terror, eu gosto. Com um enredo que envolve magia negra, demônios, monstros criados por homens e muita lacração de Eva Green como Vanessa Ives, uma médium que se une à outros personagens clássicos da literatura gótica para combater as ameaças sobrenaturais da Londres Vitoriana. Pena Dreadful está, defininitavamente, indicada. Vanessa é fantástica, a história é envolvente e até Josh Hartnett está bem em seu papel de cawboy americano perdido em Londres. A série também tem Billie Piper numa de suas melhores atuações.

Sleepy Hollow 

sleepy-hollow-mulheres-do-netflixAssisti a primeira temporada

Ichabod Crane acorda dois séculos e meio depois de sua morte e, junto com a Detetive chutadora de bundas e estereótipos Abbie Mills, eles precisam impedir que o Cavaleiro Sem-Cabeça inicie o apocalipse. Eu gosto muito da primeira temporada, a série tem personagens femininas muito legais, Abbie e sua irmã Jenny são pessoas que dividem um passado mas que tomaram rumos opostos por motivos similares, e é muito legal ver o modo como as duas personagens interagem entre si e com a história. A série, que foi muito bem recebida em parte por seu elenco com bastante diversidade, vem recebendo críticas por ter, ao longo de suas temporadas seguintes, por ir embranquecendo o seu elenco. Não sei o que acontece nas outras temporadas, e esse embranquecimento definitivamente corta um pouco a empolgação, mas a primeira temporada vale o tempo de assistir.

Orphan Black

Orphan-Black-netflix-sarah-mulheresAssistido

Depois de fugir do ex-namorado e assistir uma mulher idêntica a ela se suicidar no metrô, Sarah Manning assume a identidade da mulher e acaba descobrindo que tem muito sobre a sua própria vida que ela não sabe. Orphan Black tem um final de temporada MUCHO DOIDO, com uma das revelações mais interessantes que eu vi em uma série. Altamente recomendada.

Buffy – The Vampire Slayer 

buffy-mulheres-do-netflixAssistido

Oh, Buffy. Eu me lembro até hoje o dia em que assisti o último episódio na FOX e chorei copiosamente porque estava ficando órfã de série. Muitas vieram e foram, mas a verdade verdadeira é que ainda está para ser feita uma série com o combo Vampiros + Bruxaria + Lobisomens + Demônios que ocupe o seu lugar. E não, obrigada. Eu não quero um remake. Se você gosta do clima Young Adult e fantasia, e consegue superar o clima anos 90, Buffy definitivamente é uma boa pedida.

Bitten 

bitten-mulehres-do-netflixAssisti a primeira temporada

Bitten é uma série difícil. Estrelada pela Supergirl de Smallville, a série acompanha Elena Michaels, a única mulher a sobreviver a transição para lobisomen que se afastou do seu clã para tentar viver uma vida normal até que uma série de assassinatos a força a retornar. As atuações não são lá essas coisas, mas a protagonista é até interessante e a história consegue entreter e te prender. Vale tentar passar dos primeiros episódios

Charmed

charmed-mulheres-do-netflixAssistido

Três irmãs descobrem, já adultas, que são bruxas herdeiras do Poder das Três. Produzida e estrelada por Holly Marie Combs, e com o elenco composto por Alyssa Milano, Shannen Doherty e, mais a frente, também por Rose McGowan, Charmed é um bolinho da década de 90. Eu não vou mentir, é uma série difícil. Eu re-assisti o piloto alguns meses atrás e não consegui ir em frente. MAS, POREM, NO ENTANTO, fui muito feliz assistindo essa belezinha brega durante a década de 90/00 (confesso que abandonei nas últimas temporadas).

Shadowhunters 

shadowhuntersAssisti aos episódios disponíveis

Clary é uma adolescente normal até descobrir da pior maneira possível que é, na verdade, uma ShadowHunter, uma guerreira responsável por manter o equilíbrio entre o mundo mundano e o submundo. Baseada na série de livros de Cassandra Clarke Instrumentos Mortais. Eu comentei o piloto de Shadowhunters no OneCast algumas semanas atrás, e continuo tendo muita dificuldade em lidar com a pouca qualidade de roteiro/atuação e efeitos. Shadowhunters podia se beneficiar muito dos profissionais de Buffy.

Once Upon a Time 

once-upon-a-time-mulheres-do-netflixAssisti as primeiras duas temporadas

Emma é uma bounty hunter que acaba numa estranha cidade do interior dos EUA quando o filho que ela deixou para adoção aparece em sua porta dizendo que ela é a peça central para restaurar o mundo dos contos de fadas. Estrelada por Jenniffer Morrison, Ginnifer Goodwin e Lana Parrilla, a série mistura ABSOLUTAMENTE TODOS os contos de fadas que você pode imaginar, incluindo alguns mais recentes, e tem a assinatura da Disney. Eu deixei de assistir porque as inconsistências na timeline da história e dos personagens passaram a ser maiores do que o meu gosto pela série. No entanto, ela é sucesso de público. Então se você gosta de contos de fadas com um pouco mais de ação, talvez seja uma boa pedida.

Once Upon a Time in Wonderland 

in-wonderland-mulheres-do-netflixNão Assistido.

Sbin-Off com apenas uma temporada de Once Upon a Time, a série segue Alice na Inglaterra Vitoriana enquanto ela caminha pelo mundo do outro lado do espelho. Obviamente uma adaptação de Alice no País das Maravilhas, a série teve pouco público e foi cancelada. Mas, assim como impera em todas as coisas, isso não quer dizer que você não vá gostar. 😉

 

Haven

Haven-NetflixNão Assistido

A agente do FBI Audrey Parker se muda para Haven, no Maine, para ajudar a policia local e acaba descobrindo que as estranhas ocorrências da pequena cidade podem ser muito mais do que o inicialmente esperado.

Residue 

residue-mulheres-do-netflixNão assistido. 

Estrelada por Natalia Tena, mais conhecida como Tonks de Harry Potter ou Osha de Game of Thrones, a série acompanha uma fotojornalista enquanto ela procura pela verdade por detrás de uma grande explosão numa Londres futurista. A explosão causou um fenômeno paranormal que assombra a cidade e pode ter a ver com o governo.

Sense8 

netflix-s-sense8-trailer-promises-elaborate-thrills-and-mind-blowing-ideas-from-the-wachow-396954Assistido

O que mais dizer dessa série que acompanha oito estranhos durante a sua jornada de descoberta dos poderes que ligam a mente de todos como se fosse um? A série que foi aclamada pela representatividade e pelos personagens (merecidamente, diga-se de passagem), pode ser difícil de acompanhar já que os primeiros episódios tem diálogos sofríveis e a história por trás do mistério dessa ligação demora a se revelar, mas definitivamente vale o esforço. A Renata fez uma listinha de motivos para assistir Sense8.

Continuum

continuum-mulheres-do-netflixAssisti os primeiros episódios

Rachel Nichols é Kiera, uma detetive do ano 2077 que acaba presa na Vancouver dos dias de hoje depois de tentar impedir um ataque terrorista. Eu não parei de assistir a série por nenhuma razão específica, talvez porque eu não estava num momento sci-fi, mas se você gosta da pegada de séries como Arrow, então talvez seja uma boa opção.

American Horror Story 

AHS-Asylum-mulheres-do-netflixDefinitivamente não assistido

Medrosa do jeito que eu sou, American Horror Story é provavelmente uma série que eu nunca irei assistir. Uma série de antologia que conta diferentes histórias, com diferentes personagens, em lugares super divertidos como uma casa com um passado assassino, um manicômio, um grupo de bruxas, um Freak Show e uma hotel enigmático. Definitivamente não é o tipo de coisa que eu gosto, mas a série tem um número expressivo de seguidores e rendeu à Lady Gaga o Globo de Ouro desse ano. Então, sei lá, se você gosta de horror pode ser uma boa.

The 100 

The-100-posterAssistido

Noventa e sete anos após uma guerra nuclear ter destruído a civilização humana na Terra, a Arca, única espaço-nave que abriga o que sobrou da humanidade, envia um grupo de adolescentes delinquentes na esperança de conseguir re-habitar o planeta. Mas eles não estão tão sozinhos. Eu já falei sobre a série em dois outros textos, e apesara do começo tropeçado, acho que ela caminha para ser uma série muito interessante. As personagens femininas são incríveis, com arcos de histórias desafiadoras e complexas. Vale assistir.

Labyrinth 

labyrinth-mulheres-do-netflixNão assistido

A série acompanha duas mulheres em tempos diferentes. Alaïs Pelletier du Mas, que vive durante as Cruzadas na França medieval, e Alice Tanner, uma voluntária num sítio de escavação arqueológico na França moderna. A história das duas se encontram unidas por um mistério envolvendo o segredo do Santo Graal. Estrelado por Jessica Brown Findlay (a Cybil de Downton Abbey) e com Sebastian Stan (Bucky/Soldado Invernal), Tom Felton (Draco)  e John Hurt no elenco, eu ainda quero assistir o primeiro episódio para sacar qual é a da série. São apenas dois episódios então não é exatamente um desafio.

%d blogueiros gostam disto: