A personagem nova de Overwatch tão esperada pelos fãs foi anunciada! O nome dela é Ana Amari, uma sniper do Egito e, como diziam os boatos, ela é a mãe da Pharah.

Apesar de ser uma sniper, Ana é uma personagem de suporte que pode curar seus aliados enquanto causa danos nos inimigos. Ela também pode lançar um dardo sonífero que faz o oponente dormir na hora, inclusive durante especiais.

Ana foi uma das fundadoras do Overwatch, sendo reconhecida por suas habilidades em combate e servindo por anos como segunda em comando. Ela sempre se importou muito em proteger os inocentes e realizar suas missões da melhor forma possível. Apesar de ter muito orgulho de ser da Overwatch, Ana parecia não querer que Pharah tivesse a mesma vida que ela.

Ela serviu até os 50 anos, então um dia foi mandada em uma missão para salvar alguns reféns. Ana hesitou no combate e foi atingida gravemente por Widowmaker, o que fez com que todos achassem que ela tinha morrido. Ana sobreviveu, mas perdeu um dos olhos e entendeu aquilo como um momento para finalmente descansar, já que tinha ficado a vida inteira lutando. Algum tempo depois, Ana vê que ainda há pessoas que precisam ser protegidas, portanto decide que não pode parar de lutar.

A Blizzard acabou de anunciar uma personagem incrível. Nos jogos, mulheres são normalmente jovens, quando temos alguma mulher mais velha, elas acabam ficando em papéis específicos e nunca no campo de batalha, mesmo que os homens mais velhos continuem lutando. A representação de mães nos jogos, e na ficção em geral, também não é boa. Então a Blizzard nos apresenta Ana, 60 anos, uma sniper do Egito e mãe de Pharah. Várias representações diferentes na mesma personagem, em um dos jogos mais falados do ano. Overwatch vai mostrando cada vez mais que representação importa, além de ser um jogo muito divertido.

Nos vídeos de gameplay ela parece ser uma personagem bem interessante de jogar, talvez difícil para quem não está acostumado com sniper, mas boa para o time. As habilidades parecem ser bem balanceadas entre ataque e cura, além dos soníferos.

É possível que tenhamos mais novidades sobre a personagem ainda esse mês, apesar da Blizzard ainda não ter dito quando Ana estará disponível.

Enquanto ela não aparece no jogo, podemos conhecer mais da personagem com o vídeo (em inglês) sobre sua origem e também já podemos imaginar interações muito interessantes dela com Pharah e Widowmaker.

  • miniJay (@minijay07)

    Eu participo de um grupo com colegas (a maioria homens) que jogam. Fiquei muito mas muito chateada quando vi comentários do tipo “ah ela ficou muito velha”, “por que só a Mercy envelhece e continua bonita?”, “A Ana era linda #chatiado:(“, “partiu comprar skin dela jovem e poderosa”. Enquanto eu tava aqui comemorando horrores a inclusão de uma personagem tão representativa como a Ana, acabei sendo obrigada a ler esse tipo de comentário.

    Mas aí depois eu pensei “Não importa o que digam, a Ana vai continuar lá por todas nós”. Obrigada pela Ana, Blizzard ♥

    • kernerpaulaPsula

      Oxi mina, vc precisa entrar no grupo de facebook das gaymer Overwatch Gurls. Lá só tem gente tecendo elogios e chorando de emoção com o lançamento da Grandma. Eu nem perco tempo jogando com cara machista, jogo só com as diva mesmo <3

  • Fabio Marques Santana

    Uma veterana que realmente aparenta a idade que têm. Algo mais do que necessário para a indústria dos games/quadrinhos/cinema/animação/etc… Mas não irei jogar assim mesmo. Não gosto de FPS e nem de jogos online (Ok, podem me chamar de alienígena. Quer provas? Não gosto de Game of Thrones e só li o primeiro livro e nem pretendo ler os outros, tá?), mesmo assim apoio a personagem e que ela seja a inspiração de muitas outras de várias mídias (menos de FPS. Desprezo essas coisas).

  • kernerpaula

    Amei ter jogado com ela. Árabe, deficiente visual, mulher, idosa, mãe. <3 Fora que ela em combate é um arraso. Quem conseguir tirar o melhor com ela vai detonar na partida. O ult dela falando na lingua nativa faz a gente correr pra buscar abrigo também. =)

%d blogueiros gostam disto: